sexta-feira, 4 de junho de 2010

O retardation, tion, o retardation, tion, o retardation, tion

Nosso carnaval sempre assombrou o mundo. Já em 1832, em sua passagem pelo Brasil, o então jovem naturalista inglês Charles Darwin e mais dois oficiais da marinha britânica caminhavam pelas ruas de Salvador quando passantes animados os fulminaram com farinha e bolas de cera recheadas de água. Aquela formidável farra nas ruas era o ancestral do nosso Carnaval, o entrudo. Assustado, Darwin escreveu em seu diário: "Achamos muito difícil manter a nossa dignidade enquanto caminhávamos pelas ruas". Desde então, o Carnaval, embora bem desfigurado, continua causando espanto, seja pelo orgiástico desfile de peitos e bundas na televisão, seja pela trilha sonora típica. Nossos ancestrais sacolejavam felizes e cheiravam lança-perfume ao som de geniais marchinhas, verdadeiras obras-primas de refinadíssimo bom humor. Desgraçadamente, hoje em dia, os discípulos de Momo requebram ao som do irritante e onipresente axé (gênero musical que se destaca pela abundância de vogais "aê, aê, aê, ô, ô, ô, oê, oê, ôôô" e ausência de neurônios de seus compositores). Ai, ai, meus óvulos! Sou das poucas brasileiras que prefere ser torturada cinco dias seguidos a passar o carnaval na Bahia. No último carnaval, da mesma terra que já pariu Caymmi, Caetano e João Gilberto, saiu o superinfame hit Rebolation do grupo Parangolé. A música, um mantra que poderia servir de instrumento de tortura mental em Guantanamo, traz frases como: "Alô, minha galera, preste atenção. Rebolation é a nova sensação. Menino e menina, não fiquem de fora que vai começar o pancadão. O suingue é bom, gostoso demais." Mas,assustador mesmo é o debilóide refrão: "Bota a mão na cabeça que vai começar o Rebolation, tion tion o rebolation, o rebolation, tion tion, rebolation". Perto dessa idiotice hipnótica, na boquinha da garrafa tem a classe de uma sinfonia de Mozart. Baseado nessa preciosidade musical, a agência do baiano Nizan criou um comercial do Assolan. Assolation (sim, amores, Assolation!!!!) traz a idiota palhinha de aço cercada de assoletes dançando pateticamente sobre uma pia. Olha, sei que pode até vender palha de aço às toneladas, mas que é ruim de doer, isso é.

18 comentários:

Luiz Kiss disse...

Concordo com você plenamente! Odeio axé! e esse comercial é uma bosta!

a revisora disse...

barbaridade.

Mangaká Taís disse...

Realmente, depois de assistir essa merda completa de retardetions, dá vontade de se matar mesmo...

Georgia disse...

Esse comercial palha de aço é uma palha mesmo!!!Vem cá, o que eles querem dizer com isso? Que dona de casa tem um péssimo gosto musical? Ou que o povo tem que "ariar" a podreira que andam ouvindo?mensagem subliminar talvez? Bom, acrescentar o sufixo ation já fica nítido que esse comercial só pode ter sido idealizado pelo nosso ilustre leitor: diretor de arte da peça....é....

bju deb!

A luz... disse...

Isso é coisa do Nizan!

A luz... disse...

VOCÊS JÁ ESTÃO SEGUINDO A NOSSA DIVA NO TWITTER?

twitter.com/DeboraBlog

Quem não segue tá perdendo. Clicaê!

Anônimo disse...

Olha... a imagem da propaganda pode ser até ruim e etc...
Mas a sacação do filão da assolan com o rebolation é super boa...
o rabolation está na boca de todo público alvo da assolan, concordo com vc em relção ao carval...em relção ao axé ser um ÔÔ...AA...ÔÔ...AA e que rebolation é uma porcaria, mas neh... é uma porcaria que infelizmente o "povinho" gosta, e voltando ao comercial da assonla, eles sempre pegam músicas de axé e etc... que estão "na boca do povo" e fazem exatamente oq fizeram com o rebolation.
e o pior de tudo.. o povo gosta...
e assim eles vendem o produto..
e o mais importante da propaganda é sim... vender o produto.. e se ta vendendo...qual o probleme?!

bjs.

B.D disse...

Olha... a imagem da propaganda pode ser até ruim e etc...
Mas a sacação do filão da assolan com o rebolation é super boa...
o rabolation está na boca de todo público alvo da assolan, concordo com vc em relção ao carval...em relção ao axé ser um ÔÔ...AA...ÔÔ...AA e que rebolation é uma porcaria, mas neh... é uma porcaria que infelizmente o "povinho" gosta, e voltando ao comercial da assonla, eles sempre pegam músicas de axé e etc... que estão "na boca do povo" e fazem exatamente oq fizeram com o rebolation.
e o pior de tudo.. o povo gosta...
e assim eles vendem o produto..
e o mais importante da propaganda é sim... vender o produto.. e se ta vendendo...qual o probleme?!

bjs.

B.D disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pasmo disse...

Pois é...
Propaganda é pra vender, mesmo que seja ridículo, quando vc for no supermercado e ver a assolan, duvido se vc não vai dizer: "ah acho q hoje eu vou levar uma assolation!" :P

A culpa de tudo isso é do povo que faz essas coisas virarem sucesso...

Clayton disse...

Miguxa,

Infelizmente não concordo com vc. Apesar dessa música do inferno ser uma merda, isso vende. Quem compra essa porcaria é dona de casa, gente do sub mundo. Com certeza o filho dessa mulher quando vê a propaganda, diz: Olha Mamãe! Uma esponja tosca dançando uma música do capeta! Compra?

Eu acho ruim. Esse filme não faz sentido algum. Assim como a nossa profissão.

Cidadão Entretido disse...

Então a "dona de casa" é gente do submundo é, Clayton?

Bacana isso, sua mamãe deve adorar a comparação.

Cyn disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cyn disse...

popular por popular, público-alvo por público-alvo, eu fico com bom bril. a campanha de bom bril é pop, mas é boa. tão boa que virou case de sucesso usa o mesmo garoto propaganda a, sei lá, 20 anos? o produto é tão bom que, desde que me entendo por gente, virou sinônimo de palha de aço. e, pasmem, tudo isso com muita inteligência.
eu preferia arear 10 panelas por dia a ter que assistir o rebolation versão assolan no conforto do meu lar.

Naja Najito disse...

Caracas, que comercial mais bizarro. E o pior é que nem me lembro de tê-lo visto na TV. Isso costuma acontecer comigo: quando o anúncio é muito ruim, costumo deletá-lo da memória.

Além disso, esse lance de fazer paródia com Rebolation se tornou meio clichê. Vi várias paradas meio parecidas com essa quando a música estourou no carnaval deste ano.

Como disse alguém nos comentários anteriores: a BomBril conseguiu estabelecer sua marca de uma forma muito mais classuda ao longo dos anos. Tudo bem que às vezes aquele garoto-propaganda (hoje, senhor- propaganda) da Bom Bril ás vezes enche o saco. Mas não se pode negar que é o comercial é menos apelativo que esse da Assolan.

bjs.

Anônimo disse...

A Redecard (a maquininha que se transforma num cachorrinho), também aproveitou e fez o FATURATION. Tudo pode virar "eichon", né não?

Fifi disse...

Sacação do filão de cú é rola. Ruin demais isso.

Anônimo disse...

Debora Amiga!!

A unica versao do Rebolation boa foi a de 3 gostosos que estavam em Vila Velha, no feriado do carnaval, na praia, de sunga, de dia, enchendo a cara de cerveja.
Eles cantavam a musica e agarravam todo mundo!!!

Ficamos de fora, ne?
A gente nao fazia o tipo deles!

Frustada, Aline de SP