sexta-feira, 18 de maio de 2007


Quem costumava assistir TV no comecinho das noites de domingo, durante as décadas de 70 e 80, certamente se lembra do imperdível programa dos Trapalhões. Além dos nossos formidáveis "clowns", o programa trazia ainda um elenco de apoio rico em tipos engraçadíssimos. Um deles, o desdentado Tião Macalé, imortalizou o bordão "Ih! Nojento!" que até hoje pode ser ouvido por aí. A frase síntese de Macalé é a única coisa que me vem à cabeça para expressar o que sinto vendo estes anúncios esquisitos. Um centro de beleza feminino garante que, graças à sua super equipe de profissionais e à análise de seu perfil racial e estilo de vida, faz você perder o "excesso de bagagem" facilmente. Uma bolsa feita de bacon e uma outra feita de carne moída representariam os quilos extras que a mulher ganha ao se alimentar mal. Dá-lhe, Tião! Publicitário é mesmo um bicho muito nojento. Tchan!

3 comentários:

Dr. Lecter disse...

Uma lancheira comestível? Ótima idéia.

A Criança Nojenta! disse...

http://www.youtube.com/watch?v=RmYav14tC7s

Anônimo disse...

Bem anos 90. Pena que ainda não estão na moda.